Skip to content

Metade dos estudantes alemães desconhece que Hitler foi um ditador, revela pesquisa

30/10/2012

Um terço dos jovens entre 15 e 16 anos o considera “defensor dos direitos humanos”

Opera Mundi

A divulgação de um estudo realizado entre milhares de estudantes de cinco regiões da Alemanha revelou resultados que chocaram a opinião pública do país e que colocaram em dúvida critérios do sistema educacional local. Segundo a pesquisa intitulada “A última vitória das ditaduras?”, realizada por professores da Universidade Livre de Berlim, metade dos entrevistados não sabia que Adolf Hitler foi um ditador, enquanto um terço achava que ele era um “protetor dos direitos humanos”.

Outro resultado que chamou atenção é que 40% desses estudantes não sabiam diferenciar entre as noções de “democracia” e “ditadura”. A resposta mais comum assinalada por quatro entre dez entrevistados foi: “é tudo a mesma coisa”. Realizada sob forma de questionário, o estudo foi divulgado pelos jornais locais nesta sexta-feira (29/06).

Um dos autores do estudo, o professor de Ciências Políticas da Universidade Livre de Berlim, Klaus Schroeder, considerou o resultado chocante. “Talvez a solução seja aumentar as aulas de História Contemporânea em detrimento ao estudo de outras épocas”, disse ele ao jornal italiano Corriere della Sera e ao Huffington Post britânico.

Outra solução apontada por Schroeder seria utilizar métodos mais modernos e alternativos de estudo da História, como aumentar a frequência de visitas de delegações estudantis a antigos campos de concentração, que hoje servem como memoriais. Essas mudanças, na opinião de Schroeder, reforçariam entre os jovens as noções do que considera “valores-chave” de nossa época, como liberdade, direitos humanos, pluralismo e Estado de direito.

“Esses estudantes não têm qualquer consciência política e não possuem qualquer ideia de conceitos como ‘liberdade de expressão’ ou ‘direitos humanos’”, afirmou Schroeder.

O estudo abordou 7.400 estudantes alemães entre 15 e 16 anos. Cerca de dois mil desses entrevistados visitavam memoriais de guerra na Alemanha quando foram abordados.

Wikimedia Commons

Essa pedra fica localizada em frente ao local de nascimento de Hitler na Áustria. A inscrição diz: “Pela paz liberdade / e democracia / fascismo nunca mais / milhões de mortos nos relembram”

2 Comentários leave one →
  1. 30/10/2012 13:31

    Reblogged this on CRISTINA BENEVIDES.

  2. 13/12/2012 00:14

    “Esses estudantes não têm qualquer consciência política e não possuem qualquer ideia de conceitos como ‘liberdade de expressão’ ou ‘direitos humanos’”, afirmou Schroeder. –

    Neste momento eu me pergunto qual é o conceito que nós temos de direitos humanos e liberdade de expressão.

    Não estaríamos também como eles alienados e desinformados sobre o que realmente significam esses conceitos ?

    Ou vamos continuar a repetir em coro o que diz a midia “policial” sobre direitos humanos ?

    Vamos continuar acreditando que a imprensa é livre da influencia do capital ? que tem liberdade para publicar o que deve ser publicado ?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: