Skip to content

Civilizações migrantes: Migrações e direitos humanos

07/09/2012

Seminário Cinema e Migração, parte do projeto Civilizações migrantes: Migrações e direitos humanos.

Promovido pelo Instituto Norberto Bobbio -Cultura, Democracia e Direitos Humanos, Comissão Municipal pelos Direitos Humanos de São Paulo,Associação Escola-Aprendiz, Centro de Estudos Migratórios/Missão Paz, Memorial da América Latina.

Coordenado e ministrado pelo professor Maurizio Russo (doutor em história cultural pela Universidade de Nancy), o seminário propõe um percurso pela estética e história do cinema internacional refletindo sobre como o cinema se faz memória de um fenômeno fundamental da história da humanidade: a migração.

As migrações caracterizam a história da humanidade desde os tempos mais antigos, mas são apresentadas pelos xenófobos como fenômenos estranhos e antinaturais. Porém as migrações que assumem mais importância no mundo globalizado são parte da história deste mundo. A Itália teve seu passado de migração e tem o seu presente de país objetivo ou ponto de passagens dos novos migrantes. A dificuldade em reconhecer estas duas realidades como relacionadas e normais deixa pouco claro o juízo sobre o fenômeno migratório.

Em vez de ser vista como um problema concreto do nosso mundo ao qual dar respostas coerentes, a migração é utilizada por políticos inescrupulosos para fins eleitoreiros. Incapazes de dar respostas aos problemas da sociedade os partidos xenófobos (como a Liga na Itália e a Frente Nacional na França) e também os partidos de direita mais tradicionais tem utilizado a presença dos trabalhadores estrangeiros de modo demagógico, fomentando o sentimento racista.

No entanto, o fenômeno migratório é a origem do nascimento de um importante país como o Brasil. Muito mais determinante do que a colonização portuguesa, foi a migração sucessiva dos povos europeus, asiáticos e africanos que criou um país que tem no seu DNA e na sua história a migração como elemento constitutivo. O seminário, utilizando também filmes e documentários como elementos de reflexão, pretende desenvolver um debate sobre este importante tema.

O cinema como memória da migração

O cinema, produto cultural complexo de uma sociedade que é narrada através dos seus próprios intelectuais, recolhe a memória dos fenômenos relevantes que marcam a história desta sociedade. O cinema conservou e transmitiu a memória da migração, testemunhando um fenômeno de grande relevância social, política, econômica em sua evolução através dos anos, desde o pós-guerra até os dias atuais.

Os trabalhos artísticos de autores como Pietro Germi, Franco Brusati, Luchino Visconti, Ettore Scola, Mathieu Kassovitz, Kean Loach entre outros narram com olhar crítico, irônico, dramático ou grotesco a história das sociedades contemporâneas que vivem o fenômeno da migração como um dos aspectos fundamentais da própria evolução.

O cinema é a memória revisitada, e nas mãos desses intelectuais-artistas, narra, conta, descreve o que é ser migrante, em lugares e em épocas diferentes, distantes no tempo e no espaço, deixando uma série de interpretações sugestivas e artísticas, e também altamente críticas do que foi por exemplo, a migração italiana no mundo.

O seminário traça a história desta memória por meio de algumas obras fundamentais da cinematografia, favorecendo o encontro de São Paulo cidade, por antonomásia, da migração com a memória desta migração.

Para mais detalhes acerca do evento e da programação, bem como sinopse dos filmes que compõem a mostra, acesse: http://cinemaemigracao.tumblr.com/

A programação do evento, com datas, horários e locais de exibição dos filmes, você encontra neste link.

FLLYER CINEMA E MIGRACAO_PROGRAMACAO

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: