Skip to content

Presidente do STF permite retomada das obras de Belo Monte

28/08/2012

FELIPE SELIGMAN
DE BRASÍLIA, para a Folha de S. Paulo

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Carlos Ayres Britto, concedeu na noite desta segunda-feira (27) liminar que permite a retomada das obras da usina hidrelétrica de Belo Monte, no Pará.

O ministro analisou pedido feito pela AGU (Advocacia-Geral da União), que entrou com reclamação contra decisão do TRF-1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região) que havia paralisado a construção da usina hidrelétrica no rio Xingu.

Índios protestam contra Belo Monte em frente ao Supremo
Procuradoria encaminha parecer contrário à retomada de obra
Paralisação de Belo Monte causa prejuízo diário de R$ 12 mi, diz consórcio

A decisão de Britto vale até que o STF analise e julgue o mérito da questão, em plenário. Não há previsão de quando isso ocorrerá.

A 5ª Turma do TRF-1entendeu que os índios não foram ouvidos antes da construção de Belo Monte, o que deveria ter sido feito porque as obras afetam reservas indígenas que ficam próximas ao local da hidrelétrica. O tribunal entendeu que o fato representava a nulidade na concessão da licença para a construção.

Em parecer enviado nesta segunda ao Supremo, a PGR (Procuradoria-Geral da República) argumentou que ainda daria tempo para que o processo de concessão fosse refeito, desta vez ouvindo as comunidades indígenas locais.

LIMINAR ACEITA

Ayres Britto, no entanto, decidiu suspender a decisão do tribunal. Suas razões não foram divulgadas até o momento, mas ele entende que existem indícios mínimos para afirmar que a AGU tem razão –até a decisão ser analisada em plenário por seus colegas.

De acordo com a AGU, a paralisação das obras de Belo Monte representa um dano à política energética brasileira. A instituição também argumentou que, em outra decisão recente, o STF havia entendido que a construção da hidrelétrica era legal.

One Comment leave one →
  1. 28/08/2012 09:39

    Há uma postura ditatorial do STF, na democracia o poder emana do povo, para o povo e pelo povo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: